Joaquim Neto ouve a população sobre possível proibição de fogueiras e fogos

2222

O prefeito da cidade de Gravatá, Joaquim Neto do (PSDB), informou durante prenunciamento realizando nesta segunda-feira (01/06), que ouvirá a população gravataense quanto a uma possível proibição de fogueiras e fogos de artificio durante o período de pandemia ao qual o mundo vem enfrentando.

Se aproximando o período junino, e as datas das fogueiras, o prefeito vem ouvindo a todos, pois trata-se de uma tradição, e nesse momento, todos ou a grande maioria, opta pela proibição da fogueiras e fogos, pois podem prejudicar quem está sofrendo de quarentena, se recuperando ou tenha problemas respiratórios e possa contribuir para um agravamento.

O prefeito logo, logo irá anunciar novas medidas referentes ao assunto. Cabe também as autoridades do Governado do Estado, se não o Presidente do Brasil, seguir esta mesma linha de raciocínio.

3 respostas para “Joaquim Neto ouve a população sobre possível proibição de fogueiras e fogos”

  1. Não deven fazer fogueira, as pessoas que são conscientes sabem que o covid19 age diretamente no sistema respiratório. E tem muita gente com problemas alérgicos também, e vale salientar que muitos estão infectados pelo covid19 e não sabem pois estão assintomáticos. E com essa fomaça só tem a piorar. Triste ver as pessoas não pensarem no próximo.

Deixe um comentário